Prefeitura e Fundação Banco do Brasil iniciam oficina de bordado para artesãs de Cruzeiro do Sul


A parceria firmada no início do ano entre a prefeitura de Cruzeiro do Sul, por meio da secretaria de turismo e empreendedorismo, a Fundação Banco do Brasil e a Casa do Artesão como beneficiária, entrou agora na fase de formação e capacitação das artesãs.


Nesta primeira etapa está sendo ministrado a oficina de bordado, que teve início nesta terça-feira, 03 no Centro de Informática Nosser Almeida Tobu. Cerca de 20 artesãs participam da oficina, que tem 30 horas aula de duração. A oficina ocorre após a entrega de maquinário para as artesãs, realizada na última sexta-feira, 31.



A parceria prevê ainda a reforma estrutural da

Casa do Artesão e aquisição de novo mobiliário. O projeto está sendo criado por arquitetos e engenheiros do quadro técnico da prefeitura.


“A gente só tem gratidão à gestão do prefeito Zequinha e da secretária de turismo Gleice Cruz, porque sem parceria, nada funciona”, disse Rosa Ribeiro, vice-presidente da Associação dos Artesãos do Vale do Juruá.



Além desta oficina em bordado, o convênio prevê ainda uma oficina de trabalho em cipós e fibras e outro em resina epóxi.


“A prefeitura entra com a contrapartida de parte dos materiais utilizados, nos espaços dos cursos, e na execução dos projetos”, explica a secretária de turismo e empreendedorismo, Gleice Cruz.



Segundo o vice-prefeito Henrique Afonso, o objetivo da parceria é fomentar o artesanato na região.


“O artesanato vem sendo uma importante fonte de renda para as famílias e que terá um papel ainda mais fundamental para a recuperação econômica do pós-pandemia”, explica o vice-prefeito Henrique Afonso.

0 comentário