top of page
  • Foto do escritorAssessoria de Comunicação

Prefeitura de Cruzeiro do Sul promove segundo Fórum Municipal dos Direitos da Pessoa com Deficiência



O segundo Fórum Municipal da Pessoa com Deficiência de Cruzeiro do Sul aconteceu, nesta terça-feira (08), com a participação de conselheiros estaduais e de representantes dos municípios do Juruá. O evento foi realizado no auditório do Núcleo da Secretaria Estadual de Educação.


As garantias dos direitos fundamentais das pessoas com deficiência foi o objetivo do fórum que reuniu autoridades, representantes dos conselhos municipais de Cruzeiro do Sul, Mâncio Lima, Porto Walter, Rodrigues Alves e Marechal Thaumaturgo e familiares de pessoas com deficiência. Na ocasião foram debatidas as políticas públicas que já estão implementadas em cada cidade para atender o público com deficiência e apresentadas novas propostas para que os direitos dessas pessoas sejam respeitados.


A presidente do Conselho Estadual da Pessoa com Deficiência, Ana Cunha, destacou que é fundamental a discussão do tema com a sociedade.


"É super importante esse evento porque a intenção da gente é vir no território onde estão morando as pessoas e ouvir o que está acontecendo, de que forma está acontecendo e, se não está acontecendo, de que forma a gente pode  apresentar novas forma para fazer acontecer para que os direitos das pessoas sejam validados", disse Ana.


O vice-prefeito Henrique Afonso também participou do evento e falou das ações da gestão municipal de Cruzeiro do Sul para dá as melhores condições de tratamento ao público que tem algum tipo de necessidade especial.


"Uma das características do Zequinha é ser muito prático na gestão, principalmente, para as pessoas com deficiência. A gente já tem umas iniciativas muito interessantes, inclusive, até a Secretaria de Trânsito foi mudada para Secretaria de Mobilidade Urbana, justamente para que seja garantida aos cadeirantes a questão da acessibilidade. Também estamos fortalecendo as instituições que tratam das pessoas com deficiência por meio da Secretaria de Desenvolvimento Social que tem feito a sua parte", garantiu Henrique.



Comments


bottom of page