Prefeitura de Cruzeiro do Sul faz convênio para retomada dos campeonatos municipais de futebol




O ato de assinatura de um convênio entre a Prefeitura de Cruzeiro do Sul e a Liga Cruzeirense de Futebol, ocorreu nesta segunda-feira (18), no auditório do Centro Educacional (Cedup). O município vai liberar um valor de 60 mil reais para a realização das competições oficiais durante o ano de 2022.


A cidade estava há mais de dois anos sem a disputa dos campeonatos, da primeira e segunda divisão e do juvenil, em razão da pandemia de Covid. No entanto, este ano, com a maioria das pessoas imunizadas, a Liga de Futebol já anunciou o início do calendário esportivo que será financiado pela a prefeitura.


"Estava todo mundo ansioso depois desse período sem podermos realizar as competições oficiais, mas, graças a Deus, estamos firmando esse pacto com as 32 equipes da segunda divisão, mais as 10 da primeira divisão, e já definimos a data do início das competições, que é o dia 30 de julho. Sendo assim, estamos fazendo esse convênio para que a gente possa bancar todos os campeonatos e, desta forma, os torcedores não vão gastar nada para entrar e assistir  as partidas. Os atletas também não vão precisar pagar taxa de inscrição, isso vai ser patrocinado pelo poder público municipal", garantiu Zequinha.


Durante a solenidade que oficializou o acordo, o prefeito também anunciou que todas as equipes que vão participar das competições oficiais receberão uniformes e materiais que serão fornecidos pelo município. O presidente da liga agradeceu a prefeitura pelos investimentos.


"Esse era o momento mais esperado pelos futebolistas de Cruzeiro do Sul. Depois de mais de 2 anos vamos retomar o nosso futebol. Com esse convênio assinado pelo prefeito, vamos dar início, no dia 30, ao campeonato da primeira divisão. Também vamos já entregar os uniformes e kits de bolas para 10 equipes da primeira e para 32 equipes da segunda divisão. Queremos aqui agradecer a prefeitura por patrocinar todos os campeonatos desde a primeira até os juniores", agradeceu Rodrigues.




0 comentário