Prefeitura de Cruzeiro do Sul e Governo do Estado vão construir abrigo para moradores de rua



O prefeito em exercício Henrique Afonso anunciou, na manhã desta quarta-feira, 03, a construção de um abrigo para acolhimento dos moradores em situação de rua, em Cruzeiro do Sul. O abrigo, que está sendo chamado de República, será um espaço destinado ao acolhimento com locais para alimentação, dormida e atendimento de assistentes sociais e psicólogos.


Desde o início da gestão, a Secretaria de Ação e Desenvolvimento Social do município, juntamente com a Secretaria de Saúde, vêm acompanhando e monitorando o aumento do número de moradores nessas condições, que hoje chega a 56 pessoas. O problema  foi detectado pela prefeitura e a solução encaminhada foi a criação deste espaço, um projeto que tem a parceria do Governo do Estado.


“O prefeito Zequinha e eu estamos muito felizes porque é a consolidação de uma luta com o Governo do Estado para responder a esse grande desafio”, disse o prefeito em exercício Henrique Afonso.


“Temos hoje 56 pessoas morando na rua em Cruzeiro do Sul. Governo do Estado, Prefeitura e outras instituições governamentais e não-governamentais estão juntos nesse projeto, por meio do Grupo de Trabalho “Construindo uma Nova Vida”, disse o prefeito.


“Neste espaço teremos terapia ocupacional, cuidado e assistência, dando toda a ajuda necessária para que possam voltar para casa e para a sociedade. Já estamos no processo licitatório para alugar espaço, no centro da cidade, que será um centro de referência, uma república, que terá espaço para quem quiser se alimentar, dormir, etc…”, concluiu o prefeito em exercício Henrique Afonso.


O projeto, encabeçado pela Prefeitura de Cruzeiro do Sul, vem recebendo todo o apoio necessário do Governo do Estado.

“O governador Gladson é sensível à situação dos moradores de rua, e junto com a prefeitura vem dando suporte financeiro, inclusive no treinamento da equipe técnica que irá atender os moradores de rua. Este é um projeto que engloba, amor e carinho que nossos gestores, tanto o prefeito Zequinha, quanto o governador Gladson, e o vice-prefeito Henrique vem dar a essas pessoas. Trata-se de um projeto que vem dar acolhimento através do amor”, disse a chefe do gabinete do governo no Juruá, Raquel de Oliveira Batista.




0 comentário