Prefeito Zequinha se reúne com Presidente da Fieac e discute sobre setor industrial e comercial

A Fieac se dispôs a ajudar o município, com consultorias na parte econômica, afim de traçar junto com a gestão estratégias


Prefeito Zequinha se reúne com Presidente da Fieac e discute sobre setor industrial e comercial

O Prefeito de Cruzeiro do Sul, Zequinha Lima, se reuniu na manhã desta sexta-feira, 15, com o Presidente da Federação das Indústrias do Acre, José Adriano, com a representante da Fieac em Cruzeiro do Sul Janaína Terças e com o Presidente da Associação Comercial de Cruzeiro do Sul Luiz Cunha, para discutirem estratégias de fortalecimento para as indústrias e comércios da região, e firmar parcerias entre as instituições e o município. A Fieac se dispôs a ajudar o município, com consultorias na parte econômica, afim de traçar junto com a gestão estratégias que venham a ajudar a classe, fortalecendo a economia e o desenvolvimento da região.

“Dentro desse debate incluímos as demandas mais urgentes, como é o caso que das nossas regularizações parafiscais, que abrem todas as portas dos empresários, e é nossa maior preocupação. O prefeito se comprometeu em analisar nossas propostas, enfim, viemos deixar nossa parceria para fazer um trabalho em conjunto com a sociedade de Cruzeiro do Sul”, explicou o presidente da Fieac. O Presidente da Associação Comercial, agradeceu a disponibilidade do Prefeito em ouvir o setor, e enfatizou a necessidade das parcerias. “Agradecemos o Prefeito Zequinha pela oportunidade de dialogar conosco, o momento que vivemos requer essas parcerias, para encontramos soluções para o momento desafiador, em razão das dificuldades impostas pelo Covid, e superarmos essa crise econômica que vivemos”, destacou Luiz Cunha, presidente da Associação Comercial.

O Prefeito Zequinha Lima reiterou que o município, através da gestão, sempre teve a intenção de estabelecer parcerias com os órgãos e instituições do estado, sendo necessário desburocratizar e proporcionar estratégias de desenvolvimento juntos. “Isso é genial, pois vai trazer avanços e conhecimento para nossa gestão e investimentos para região. Vivemos um momento delicado onde muitas indústrias e empresas estão se esforçando para não fechar suas portas, e tem algumas questões relacionadas a situações fiscais que temos que rediscutir, para motivar e incentivar essas empresas a continuarem com as portas abertas, como IPTU, alvará de funcionamento, reduzir a burocracia, trazer a informatização, discutindo com as instituições que já tem essa experiência, e levando ao fim benefícios para toda população”, enfatizou o prefeito.

0 comentário