top of page
  • Foto do escritorLeandro Altheman Lopes

Equipe Técnica da Prefeitura visita locais afetados pelo mandarová


Uma equipe técnica da Prefeitura de Cruzeiro do Sul visitou na tarde desta sexta, 20, roçados de mandioca atingidos pela praga do mandarová. O objetivo é averiguar in loco a situação e oferecer apoio para combater a praga.


Nesta sexta, a visita ocorreu no Ramal Lua Clara, adjacente do Ramal 3. Na ocasião foram entregues borrifadores costais para os produtores.



Estiveram presentes o prefeito em exercício Henrique Afonso e o secretário municipal de agricultura, Eutimar Sombra.


Os agricultores visitados explicaram a situação dos roçados afetados pela praga que tem uma significativa perda no rendimento.



“Eu tenho quatro hectares de roça que chegam a render até 300 sacas de farinha. Tá perda total lá. Hoje quando a gente vai fazer farinha, a gente raspa a mandioca, joga na prensa e isso acaba tudo em água, não presta. Fica só aquela bucha velha. Não rende nada”.


“Precisamos da ajuda ao Poder Público, o governo municipal, o estadual, o federal para compensar essas perdas. E o modo de prevenir também as próximas pragas O modo de prevenção, como buscar se prevenir para o próximo ano”.


“Porque até a nova que nós estamos plantando agora elas estão comendo tudo. Comem até descer no barro mesmo, na raiz, na raiz. Não tem como a gente plantar agora. Perdemos a desse ano e não tem nem previsão para plantar para o próximo ano na hora nesse momento e tá tudo cheio de ova. Tem lagartinha pequena já, a gente já viu também. Por isso precisamos realmente dessa ajuda do poder público”, disse o produtor rural Williame Araújo da Silva.


“Nesse momento aqui, atacado aqui pela lagarta é só prejuízo, por enquanto. Só prejuízo aqui, depois que elas invadem aqui, elas comem a folha e tudo, aí fica só os galhos, até os galhozinhos ela come.


“Aí onde rendia 150 sacas, vai render no máximo, 90. E o prejuízo, cada vez vai aumentando mais. Então, se eu tinha roça aí para 150 sacas, daria aí uma média de 30 mil reais, seria sua renda desse ano”.


“A gente paga para brocar, paga para limpar, para plantar. Entre tudo aqui, acho que eu gastei nesse roçado, entre tudo aqui, fora do meu trabalho uns 3 mil reais aqui. Por isso é muito bem-vinda essa visita e a gente espera que o poder publico olhe para nossa situação” disse o produtor Francisco César do Ramal da Lua Clara.


"Hoje estamos visitando o ramal da Lua Clara onde 100% dos produtores já foram atingidos e já pela segunda vez. Estamos coletando lagartas para fazer a demonstração, a fim de prevenir e reduzir os impactos. O prefeito está acompanhando a missão para trazer o retorno mais rápido possível para nossos produtores rurais", disse o secretário municipal de agricultura Eutimar Sombra.



“Estamos mobilizando esforços para prestar o apoio aos nossos produtores rurais. Infelizmente a praga este ano veio mais agressiva. Já decretamos emergência no município para poder enfrentar melhor essa situação e o prefeito Zequinha está em Brasília buscando apoio financeiro para os agricultores que tiveram perdas”, disse o prefeito em exercício Henrique Afonso.

Comments


bottom of page