top of page

Coleta para exame de dengue é feita em todas as unidades de saúde de Cruzeiro do Sul



Em todas as Unidades Básicas de Saúde de Cruzeiro do Sul é feita a coleta de sangue para a realização de exame de dengue. E para a realização do exame não é necessário pedido médico, bastando o do enfermeiro.


De acordo com a Secretária Municipal de Saúde, Valéria Lima, os enfermeiros das unidades estão autorizados a fazer a solicitação e a própria coleta, bem como os técnicos. " O pedido não é de exclusividade dos médicos. Os enfermeiros da nossa rede de atenção básica também podem solicitar. A coleta é realizada nas nossas unidades básicas de saúde pela equipe de enfermagem e técnicos. O exame de dengue é muito sensível e não é de furar o dedo. É melhor o sangue, o plasma.  "explica a secretária


Os testes rápidos disponíveis na rede municipal de saúde são o NS1, que detecta a doença de 1 a 5 dias do início dos sintomas e o IGM, que funciona a partir do sexto dia.


Depois que o sangue é coletado nas Unidades Básicas, o material é enviado para o Centro de Diagnóstico, que devolve o resultado para a UBS. " Quem faz o exame de manhã recebe o resultado no mesmo dia. Quem faz a tarde, recebe no dia seguinte na unidade onde fez a coleta do material. Aí o médico passa remédios para os sintomas, que as pessoas buscam na Central de Medicamentos", explica Valéria.


Os exames positivos são enviados para a Vigilância Sanitária Municipal, que encaminha para a Vigilância Entomológica. É a equipe de entomologia que faz borrifação na localidade de origem dos pacientes com resultados positivos, para eliminar os focos do mosquito Aedes aegypti, que transmite a dengue.

bottom of page